segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

A vitória da juventude peruana traz perspectiva de unidade para a esquerda


Depois de cinco grandes manifestações, os parlamentares do pais se viram obrigados a revogar a Lei Trabalhista Juvenil, que flexibilizava direitos trabalhistas. Esta foi a primeira vitória da unidade popular em anos no Peru
Por Mariana Serafini, na Fórum
Recentemente o Congresso do Peru aprovou a Lei Trabalhista Juvenil, cujo objetivo era flexionar os direitos trabalhistas para as empresas que contratassem jovens entre 18 e 24 anos. Com a lei, os recém-contratados perderiam uma série de direitos conquistados com lutas históricas. Porém, a juventude peruana se uniu e tomou as ruas; depois de cinco grandes manifestações, os parlamentares se viram obrigados a revogar a lei. Esta foi a primeira vitória da unidade popular em anos no país.